Um Futuro a sorrir

Invista na sua Reforma até 28 de junho de 2019 e receba um Voucher de Poupança Reforma!

No futuro queremos mais sorrisos.

    Receba um Voucher Poupança Reforma de 1%

    De 2 de maio a 28 de junho de 2019, uma subscrição livre no mínimo de 1.000€ no PPR 5 Estrelas, PPR Geração Activa ou PPA Acção Futuro proporciona os seguintes benefícios:

    • Um voucher Poupança Reforma de 1% sobre o valor do seu investimento, nos fundos abrangidos, com um máximo de 100€, para reutilizar numa nova subscrição até 31/12/2019.

    • Por cada 5.000€ de subscrições, a Futuro fará um donativo de 4€ ao Chapitô, com o mínimo de 3.500€, para apoiar projetos Socioculturais. E se desejar assistir a um espetáculo no Chapitô em Lisboa, faça a sua reserva até 31 de julho de 2019 com a Futuro, através do 707 222 222 (atendimento personalizado nos dias úteis das 8h30 às 17h30). O stock é limitado à capacidade da sala.

    Fundos abrangidos:

    - PPR 5 Estrelas
    - PPR Geração Activa
    - PPA Acção Futuro

    Como utilizar o Voucher Poupança Reforma:

    O Voucher Poupança Reforma poderá ser utilizado pelo participante ou por outra pessoa aquando de uma nova subscrição livre, a realizar até 31/12/2019, no valor mínimo de 500€ e nos mesmos fundos abrangidos pela campanha - PPR 5 Estrelas, PPR Geração Activa ou PPA Acção Futuro.

    Quais são as condições para que seja atribuído o Voucher Poupança Reforma:

    Não poderá ser efetuado nenhum reembolso em nenhum PPR da Futuro, nem no PPA Acção Futuro até à expedição do Voucher Poupança Reforma, que ocorrerá no mês de julho.
    Para atribuição do Voucher Poupança Reforma é considerado o somatório das subscrições livres no valor mínimo de 1.000€ efetuadas durante o período da campanha e nos fundos abrangidos.
    São consideradas as transferências de PPR de outras entidades, desde que os valores sejam creditados nos fundos durante o período da campanha.

    Invista na sua reforma e não poupe em sorrisos!

     

    Para mais informações visite um dos nossos Balcões.

    O valor das Unidades de Participação detidas varia de acordo com a evolução do valor dos ativos que constituem o património dos Fundos de Pensões e está dependente de flutuações dos mercados financeiros, fora do controlo da Sociedade Gestora.
    Não existe garantia de capital nestes fundos, nem de rendimento mínimo.
    Não dispensa a consulta do Regulamento de Gestão e da Informação Fundamental ao Investidor (I.F.I.), disponível em futuro-sa.pt, bancomontepio.pt ou aos Balcões do Banco Montepio.

    ImprimirTamanho da letraA-A+